Resultados da busca para o termo: label/Mala

Como escolher uma mala de viagem para cruzeiro

Mala de viagem para cruzeiro, deve ser escolhida com atenção. Eu amo de paixão e quero comprar uma para cada viagem. Mas nem toda mala serve para todas as viagens. Então, no caso de uma viagem de cruzeiro, é bom ficar atenta. Por que?

romero britto COLECAO DE MALAS Como escolher uma mala de viagem para cruzeiro 

1. Nem sempre a cabine do navio é grande. Geralmente é pequena e não há espaço para a sua mala ficar ali aberta sem atrapalhar o caminho.Veja uns exemplos de cabine para ter ideia do tamanho: cruzeiro – cabine interna ou externa. Olha a que fiquei no Costa Mágica em 2009. Estávamos em 3 adultos e uma criança.

cabine+navio Como escolher uma mala de viagem para cruzeiro

2. Se você está em um quarto triplo ou quádruplo ainda pior. O espaço fica ainda mais escasso. Vide foto acima do nosso apertamento.


Então, qual mala de viagem escolher para cruzeiro?

Uma mala de viagem média. Na imagem que abre esse post, eu indicaria a mala que está com a frasqueira em cima.
Em média, os cruzeiro são de 3 a 7 dias. E, nos dois casos, eu acredito que a mala média seja a mais adequada e mais do que suficiente. No navio você praticamente usa rasteirinha e roupas leves. Mas você vai ficar 7 dias e quer levar uma mala enorme, sem problemas, ainda mais se você for ficar em uma suíte. Estou dando apenas uma sugestão.

Se você está planejando um cruzeiro, também pode gostar desses posts abaixo:

Traje de gala para viagem navio

Viagem de navio – noite do comandante

Mala de viagem, como encontrar a sua no checkout do cruzeiro

Se você leu esse post sobre o check in no cruzeiro, já sabe que a mala é despachada antes de entrar no navio, assim como no avião. Na saída, o mesmo acontece, só que de outra maneira.
Na noite anterior ao seu desembarque, você vai receber uma folha com as instruções e uma etiqueta com uma determinada cor.
Malas+3 Mala de viagem, como encontrar a sua no checkout do cruzeiro
A minha cor foi amarela. Quando voltamos do jantar nossas etiquetas já estavam lá na cabine nos

aguardando para serem colocadas nas malas.

Após etiquetar e deixar de fora o que vai usar pela manhã, você coloca a mala no corredor. Isso mesmo. A regra, geralmente, é até uma da manhã para deixá-las do lado de fora. Por isso, é sempre bom levar cadeado em uma viagem de navio.
Malas+2 Mala de viagem, como encontrar a sua no checkout do cruzeiro
No dia seguinte, após o café, o sei desembarque é da mesma maneira: você vai ficar aguardando no local indicado para a sua cor. Quando chamarem por ela, você desembarca. É simples, mas em alguns navios pode dar confusão. Não nesse, mas em dos cruzeiros que fiz, sair foi a tarefa mais difícil do mundo. Mas nada que nos impedisse de  querer voltar!
Malas Mala de viagem, como encontrar a sua no checkout do cruzeiro

Já no salão das malas, você olha para esse mar de malas e pensa: nunca vou encontrar a minha mala aqui! Mas calma. É super fácil de encontrar. Lembra que você recebeu uma cor para a sua etiqueta? Agora é a hora de usá-la. Vá para o local onde estão as malas com a etiqueta amarela. E a partir daí é procurar mesmo. Muita gente coloca enfeites nas malas para encontrar rápido, mas o esquema é o mesmo de avião. Com calma, você encontra a sua mala rapidinho.

Dali, é só pegar a sua mala e ir embora, levando os presentes para a família, amigos e aquela vontade boa de voltar para uma viagem de cruzeiro!

Como arrumar a mala para inverno na Europa, 5 itens básicos!

 

Como arrumar mala inverno da Europa? Arrumar a mala dá aquela sensação boa, mas também traz muitas dúvidas. Rola aquela dúvida cruel: Como arrumar a mala para o inverno rigoroso da Europa?Não tem jeito, se você está indo para o inverno do exterior pela primeira vez vai levar um monte de roupas.

Não adianta a amiga te explicar, dar dicas ou mesmo ler aqui, você vai achar que precisa daquela mala carregada de roupa. Se for sua primeira viagem para a Europa então… Mesmo assim vou dar as dicas simples e rápidas para você saber o que é essencial na sua mala. O resto é o resto.

5 coisas que você pode confiar quando for para o inverno da Europa
Pensemos em uma viagem de uns 15 dias.
1. Casaco

Você só precisa de UM casaco de inverno quentinho. Daqueles bem quentes, sabe? E a cor eu optaria pelo preto, cinza escuro, assim não aparece se sujar. Acredite, só um mesmo. Mas, se a vontade for grande demais e tiver espaço na mala, pode levar mais um, só para desencargo de consciência.

Mas eu não tenho um casaco desses aqui no Brasil, o que faço? Bom, se você tiver um que possa pegar emprestado ou algo bem quentinho que dê para quebrar o galho, deixe para comprar no seu destino, assim que chegar. Você vai encontrar preços bem mais em conta e modelos mais adequados.
Peça orientação para a vendedora da loja. E quando digo loja não é ficar rodando em busca de lojas especializadas como fazemos aqui no Brasil, e sim lojas comuns como Zara, H&M, Uniqlo. Claro… Cada uma terá seu preço e qualidade. Mas, dica: não invista em casaco muito caro, caso você não viaje todos os anos para inverno rigoroso.


Qual casaco escolher?

Pode ser sobretudo, casaco de forrado de lã, plumas. Mas, como eu disse, na loja a pessoa vai te orientar e, mais que isso, você vai experimentar o casaco, vários modelos e escolher qual se adequa mais à temperatura do momento. Essa é a maior vantagem de deixar para comprar no seu local de destino.
2. Sapato

Opte por uma boa BAIXA, sempre. Veja aqui alguns exemplos: Bota para inverno. Minha dica aqui é como no item anterior: deixe para comprar lá no seu destino. Em qualquer loja da esquina você vai encontrar modelos mais em conta e mais apropriados para a temperatura do seu destino. Claro, estou dizendo isso para o caso de você não ter o modelo aqui guardado de uma outra viagem de inverno.

E como eu saio do Brasil???

Aposte em uma meia térmica, uma palmilha térmica e vá com a sua bota de inverno daqui. Chegando ao seu país de destino, corra para comprar a bota que vá te atender melhor.

Já contei isso aqui no blog. No inverno de 2008 embarquei para Paris, Itália e Áustria com uma bota comum de frio daqui pensando em comprar uma impermeável por lá. Mas, chegando lá, foi inverno atípico e não caiu uma única gota de neve ou chuva. Resultado: passei a viagem toda com a minha bota daqui e não precisei comprar outra.

Veja aqui uma dica: Bota de inverno para neve. Se quiser levar uma de cada, ok. Mas nada de bota com salto. Leia a dica aqui.

Outra possibilidade é viajar de sapatilha e deixo a bota na bagagem de mão. Minhas pernas incham e colocá-las ao fim do voo é um desafio. Por isso, deixo para colocar a bota só mesmo quando já caminhei um pouco, depois da imigração, quando vou pegar as malas. Mas isso é bem pessoal. Leia aqui um post sobre: sapatilha para viagem, qual escolher.

3. Acessórios

Scarf (scarves) sempre e muitas. Não pesam e mudam muito o seu look. Faz aquela diferença e ainda deixa você bem quentinha. Pense que você vai estar repetindo o seu casaco, aí, na hora da foto, você tira o casaco e bate a foto rapidinho. Assim fica diferente nas fotos. Parece bobeira, mas o esforço vale a pena. Pense nas fotos quando a viagem terminar.

Scarf+para+inverno Como arrumar a mala para inverno na Europa, 5 itens básicos!

 


4
.  Por baixo da roupa

Se você  é friorenta ou quer garantir, leve uma blusa segunda pele e meia para usar por baixo da calça. Aquelas peças da Skala, sabe como é? Ou em uma loja especializada em vendas de roupa íntima. Veja qual será a mais apropriada para o seu grau de frio. Eu, por exemplo, não uso nada por baixo da calça, nunca. Fico tão incomodada que prefiro passar frio. Já essa segunda pele abaixo, eu uso quando sei que vou pegar temperaturas muito baixas.

segunda+pele Como arrumar a mala para inverno na Europa, 5 itens básicos!

 


5
. Montar seu look antes de embarcar.


Bom, seu look de viagem no inverno será basicamente:

Casaco bem quente por fora.

Calça jeans – meia calça por baixo, se sentir necessidade

Segunda pele + blusa de linha + blusa* + lenço no pescoço + luva (se estiver com muito frio)

No pé bota + meia + palmilha térmica se achar que está frio demais.

O que eu recomendo é que entre a blusa de linha ou lã e a segunda pele, você coloque uma blusa de algodão de manda comprida ou, o que eu mais uso, uma blusa de tecido, dessas que a golinha fica aparecendo por cima da blusa de lã.
Pronto, essas são 5 dicas que você precisa saber antes de ir para um frio Europeu ou até mesmo americano.  Pode confiar. Vai passar bem.
E a gente nunca deve esquecer do item básico: a mala!
Mala

Leve, por favor. Imagina você arrastando aquela malona no meio da neve. Imagine que quando a neve derrete e fica aquela lama preta, nada bonitinha e muito menos fofinha. Mesmo se você quiser levar aquele malão para poder fazer suas compras, leve-a com pouco peso. Mala leve, por você.

Como arrumar mala inverno Europa.

Mala para viagem – Dicas para sair do pretinho básico

Mala para viagem. Se tem uma coisa esquisita em viagem, são as pessoas esperando pelas suas malas na esteira do aeroporto, desesperadas, pegando mala errada e colocando de volta na esteira e virando uma confusão. Para resolver essas duas questões duas saídas são possíveis.

Por mais sem graça que seja a mala preta, ela é sempre um curinga. Dá para toda a família usar, em qualquer momento e nunca sai de moda. Mas alguns modelos podem fazer o mesmo papel de coringa, deixar você com mais estilo e te livrar de ficar no desespero da esteira!
Mas aí vem a desvantagem, se for algum modelo bem diferente, como esse abaixo, fica complicado. Porque você enjoa fácil da mala e, muitas das vezes, elas custam mais caro:
malas+romero+britto Mala para viagem   Dicas para sair do pretinho básico
mala de viagem bagaggio cow pequena Mala para viagem   Dicas para sair do pretinho básico
Mas há algumas opções meio termo:
Uma que eu usei no Projeto 30 em 30 e ainda acho que funciona como um coringa é essa da linha Saint Tropez da Lansay. Ela é ótima, porque a cor é discreta, mas tem estilo. Raramente alguém

pega minha mala por engano e eu a identifico em um minuto.

malasainttropez 4 Mala para viagem   Dicas para sair do pretinho básico
Essa mala para viagem da Samsonite, eu acho linda! Tem um desenho bonito, cores diferentes, mas discretas. Mas prepare o bolso. As malas da Samsonite são mais caras, mas prometem entregar mais qualidade. Até no outlet nos EUA  ela ainda tem o preço mais acima da média.
Samsonite Cosmolite Violet Gold Mala para viagem   Dicas para sair do pretinho básico
Essas malas para viagem da Primicia também tem um toque diferente, mas sem ser cansativo. O preço já é mais em conta e, no meu caso, que amo mala vermelha, são de fazer o coração sorrir:
99a9a51d44d107aa32a449f851315ed2 Mala para viagem   Dicas para sair do pretinho básico
Esse modelo da Ika é bem delicado, preço mais em conta e tem uns desenhos discretos que fazer ela ficar diferente o suficiente para adiantar sua vida na esteira. A questão de sujar, por ser clara, é resolvida embalando a bagagem no aeroporto ou comprando uma capinha.
Mala+de+Viagem+IKA+IK2623+01 700x700 Mala para viagem   Dicas para sair do pretinho básico
Bom, por esses modelos, você já consegue escolher a sua mala de viagem sem precisar escolher uma mala de vaca ou uma preta básica demais.A intenção é mostrar que você pode sair do preto, sem precisar exagerar no modelo. Porque quem já passou dos 10 anos, fica estranho demais com mala rosa!
malas para viagem com rodinhas rosa Mala para viagem   Dicas para sair do pretinho básico
Mas gosto é gosto! Escolha a sua mala para viagem conforme o seu gosto e embarque no próximo voo!

Dicas para viagem – Três produtos que não podem faltar na minha mala de viagem

Dicas para viagem. E hoje é o dia do nosso primeiro post coletivo no Mix Travel Club. As sete blogueiras do grupo vão falar dos 3 produtos que não podem ficar de fora da sua mala de viagem.Seguem os meus 3 produtos que nunca viajo sem! Seja para viagem curta ou longa sempre é bom ter dicas para viagem:

 


 
cream+powder+contem+1+g Dicas para viagem   Três produtos que não podem faltar na minha mala de viagem
1.Necessaire de maquiagem – Seja para onde for, ela está sempre lá com itens para dar um jeito na cara cansada da viagem ou para ajudar no look em uma viagem profissional ou de lazer. Porque a gente quer sair bonita na foto, elas são as maiores lembranças das viagens.Mas o principal é o cream powder duo base da Contém 1 grama. Da foto acima. Ele faz as vezes do corretivo, da base e do pó. Então é um coringa na viagem. A única desvantagem é que a cor que amo não vem com filtro. Mas vou fazer um antes e depois com ele.Outro que vai na bolsa sempre é o pó da MAC.

E, claro, rímel preto. Levanta o visual de qualquer uma.

Continuando as dicas para viagem:

2.Uma sapatilha – Não falta na minha mala nunca. E tento levar uma coringa que seja arrumada, mas com cara de simples, assim tenho conforto e fico bem arrumada para andar o dia inteiro conhecendo locais no mundo ou, se for o caso, participar de uma reunião mais informal. Veja como escolher a sapatilha certa aqui.

3. Farmacinha – E nela vai, em especial: Neusadina, Novalgina, Eno (porque a gente sempre acaba comendo algo diferente que pode dar asia). Também levo algum para gripo como Benegripe.

Veja as dicas das outras blogueiras do Mix!

 
Cola em mim – www.colaemmim.com
Viagem e viagens - http://www.viagemeviagens.com/
Dri everywhere - http://drieverywhere.net/

12