Escolha uma Página

Esse foi nosso terceiro dia no navio Via Australis.  Era o dia de conhecer o famoso e tão esperado Glaciar Pia!

geleira chile flavia mariano

E, logo depois, o desfile da avenida dos glaciares! Foi um dia de ver geleiras lindas e impressionantes. 

patagonia geleira avenida glaciares chile

Mas vamos começar pelo começo.

GLACIAR PIA

Visitar o Glaciar Pia é uma das atrações mais esperadas desse cruzeiro da Australis, ainda mais para pessoas como nós que nunca havíamos visitado um glaciar.

E esse dia também é bem tranquilo, porque você não sai durante a manhã, então pode descansar um pouco mais. O desembarque é feito apenas depois do almoço.

 

HISTORIA DO GLACIAR

O Glaciar Pia faz parte do Parque Nacional Alberto de Agostini no Chile. A neve que cai lá no topo demora milhares de anos até chegar a base da geleira e cair no mar. Estamos diante de milhares de anos de história em um local do mundo no qual poucas pessoas terão a oportunidade de pisar em uma vida inteira. É emocionante!!!

Ah! E antes que eu me esqueça, o cruzeiro Austrális é uma ótima opção para quem quer viajar sozinha. Dá para fazer vários amigos, ainda mais que todos os dias você desembarca para fazer passeios com o mesmo grupo de pessoas e guia.

Olha o nosso grupo aí. Demos muita sorte, eram pessoas ótimas, daquelas que você quer continuar amiga depois da viagem. No nosso grupo eram 3 amigas viajando juntas e um casal com com o filho.

glaciar chile inverno cruzeiro australis

 

DESEMBARQUE

Foi feito em botes, como já disse em outro post, todos são feitos assim. Mas nesse tem um toque bem especial, porque você já desembarca fascinada pela visão do Glaciar Pia e o piloto do bote tem que ir desviando dos imensos blocos de gelo que vão aparecendo no caminho até o local que onde faremos o desembarque mais próximo ao glaciar.

cruzeiro chile jorge galvao

É uma sensação única e mágica. E O FRIO? Nem tanto assim. Achamos que sentiríamos um calor fora da realidade, mas foi bem tranquilo.

Ao desembarcar do bote, deixamos nossos coletes em um canto, como em todos os passeios e começamos uma caminhada.

patagonia chile flavia mariano viajar sozinha

 

SOM

Lembre-se de fazer silêncio por aqui, o Glaciar Pia sempre tem vários blocos se desprendendo, mas boa parte deles não estão diante dos seus olhos, a queda acontece lá dentro, mesmo assim, o barulho é fantástico. Ouvimos vários, mas só vimos mesmo um pequeno que foi o que menos fez barulho.

neve chile inverno


VIDEO

Quem acompanha no instagram já viu esse vídeo que fiz lá e postei no instagram, clique aqui para ver também.

A caminhada é tranquila e rápida. Olhe na foto abaixo um pai com uma neném de menos de 2 anos. Os guias estão sempre muito dispostos a ensinar tudo sobre a vegetação local, a história, fique atento e vai aprender bastante.

viajar-sozinha
Na volta sempre tem um chocolate quente esperando os desbravadores. E não poderia faltar um pulinho para a geleira…

jornalista-escritora-livro
E repare que eu estou sem o casaco pesado nesse momento. Ponto para a camisa térmica super aquecida da Fiero que usamos durante a viagem. A bota com pelos é impermeável  também é deles.

viajar sozinha viagem para mulheres

Ao fim do passeio vestimos novamente os nosso coletes e, enquanto esperávamos o nosso bote para voltarmos para o navio, e aproveitamos para tirar milhares de fotos com os blocos de gelo.

roupa termica inverno flavia mariano

Bora levar um bloco para casa, amor!

jorge galvao
Depois dessa farra, eu fiquei olhando para o glaciar, para o navio lá ao longe, tão pequenino e agradecendo a Deus. Uma benção enorme! Uma viagem que recomendo para todos. Seja com filho, sozinha, amigas, marido.


AVENIDA DOS GLACIARES

Depois de uma caminhada você volta para o bote e para a sua cabine para se aprontar para a atração do fim do dia: o desfile da avenida dos glaciares!

flavia mariano


O QUE VESTIR?

Nada que você precise colocar uma roupa de gala. As roupas de frio de sempre.

O navio começa a navegar entre imensos glaciares, cada um com um nome de um país: Alemanha, França, Espanha, Itália e Holanda.

O capitão vai anunciando e você admirando de dentro do Sky bar ou do lado de fora, como eu nessa foto acima. Dá uma média de 5 minutos de distância de um glaciar para o outro e, enquanto o navio está navegando, vai sendo servido um buffet com bebida e comida típica do país que dá nome a cada glaciar.

Eu ficava lá no Sky bar, degustava o petisco de determinado país e subia correndo lá para fora para admirar mais um glaciar. E fiquei fazendo esse trajeto até o fim.

patagonia flavia mariano

geleira

viajar-sozinha

DSC05223

De pertinho!

australis cruzeiro

A atividade dura em torno de 1 hora. Depois, por volta das 20:00, hora do jantar, porque o dia seguinte é de Bahia Wulaia e Cabo de Hornos, o fim do mundo!